Massagem Thai Yoga

Massagem Thai – Ioga para preguiçosos

por  1/08/2012 Comente!

Por Thareja Fernandes
Quando pensamos em massagem, geralmente imaginamos mãos suaves deslizando pelo corpo com a ajuda de um óle perfumado. Caso estejamos acostumados à massagem oriental, talvez a lembrança do cheiro de um incenso apareça discretamente. Esta seria, provavelmente, a mais próxima associação à ioga que faríamos, pois dificilmente a prática física difundida por Patanjali nos vem à mente quando o assunto é massagem. A manipulação do corpo tampouco é comumente ligada ao budismo. No entanto, na Thai ioga massagem esses campos do saber humano estão estreitamente conectados.
Também conhecida como nuad boran(massagem antiga), a massagem tailandesa foi desenvolvida há séculos. Embora sua origem exata ainda continue misteriosa, diz-se que chegou à Tailândia com o budismo, no século III a. C.. Diretamente relacionada aos princípios da medicina aiurvédica indiana, a massagem é parte integrante da medicina tailandesa e considerada mais um trabalho de energia do que de corpo. “Isso porque o terapeuta é guiado não pelas estruturas anatômicas, mas pela rede de meridianos de energia que percorre o corpo”, afirma Pierce Salguero, no livro Enciclopédia de massagem Thai.
A terapia é uma abordagem holística, cuja principal função é estimular o processo natural de cura do corpo, mas a técnica também pode ser aplicada com objetivos mais específicos, como para diminuir dores crônicas, estimular a circulação sanguínea, aumentar a flexibilidade e melhorar a postura. A combinação de alongamentos da ioga com acupressura utilizada pelo método também é eficiente no combate à rigidez muscular, artrite e outras doenças que afetam a mobilidade.
O terapeuta parece estar fazendo ioga pelo paciente. Por isso mesmo, às vezes a massagem é chamada de ioga para preguiçosos, em seu país de origem. As pressões são lentas, rítmicas, e as compressões profundas destinam-se a movimentar a energia presente no corpo. O massoterapeuta procura liberar os “ventos” estagnados, fazendo que com corram na direção correta. Para conseguir um bom resultado,  o profissional deve trabalhar em estado meditativo. Totalmente concentrado, poderá transmitir essa qualidade da mente por meio do toque. O objetivo central do tratamento da massagem Thai é deixar o corpo, a mente e o espírito em equilíbrio e harmonia, propiciando a cura.
Como no budismo, a linhagem é muito importante na Thai ioga, pois indica que o terapeuta é membro de uma tradição autêntica, cujo conhecimento vem sendo passado de mestre a discípulo ao longo dos séculos. Há duas escolas no país, a do Norte e a do Sul. Ambas seguem como código de ética os Cinco Preceitos do Budismo: não matar, não roubar, não praticar atos desonestos, abster-se de drogas e álcool e não praticar sexo impróprio.
Apesar das regras de conduta serem observadas, durante a Guerra do Vietnã, a massagem tailandesa foi associada à indústria do sexo e tomada como sinônimo de prostituição. Muitas clínicas de massagem em Bancoc serviram de fachada para bordéis. Ainda hoje, algumas pessoas associam a técnica ao sexo impróprio, mas atualmente, a maioria das clínicas tailandesas pratica a arte da cura tradicional.
Advertisements